quarta-feira, 1 de julho de 2015

RESENHA A Lista de Cecelia Ahern

Por Francine Estevão

Título: A Lista
Título Original: One Hundred Names
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Páginas: 384

Sinopse: Kitty Logan tem 32 anos e aos poucos está perdendo tudo o que conquistou: sua carreira está arruinada; seu namorado a deixou sem um motivo aparente; seu melhor amigo está decepcionado com ela; e o principal: sua confidente e mentora está gravemente doente.
Antes de morrer, Constance deixa um mistério nas mãos de Kitty que pode ser a chave para sua mudança de vida: uma relação de nomes de pessoas desconhecidas. É com base neles que Kitty deverá escrever a melhor matéria de sua carreira.
Quando começa a ouvir o que aquelas pessoas têm a dizer, Kitty aos poucos descobre as conexões entre suas histórias de vida e compreende por que foi escolhida para dar voz a elas.



Kitty Logan é uma jornalista em crise. Depois de cometer um erro em rede nacional, ela está sem credibilidade no mercado jornalístico. Nem ela mesmo acredita muito em si. Apenas Constance, amiga de Kitty e dona da revista Etcetera, tem esperança no potencial da jornalista e em sua capacidade de dar a volta por cima. Então ela decide passar uma missão para Kitty.

No entanto, Constance está no hospital, com um câncer terminal e morre antes mesmo de explicar detalhes sobre a pauta. Tudo o que Kitty tem é uma lista com 100 nomes, um prazo apertado, pessoas duvidando da capacidade dela de conseguir e uma missão de descobrir sobre o que se trata a história que ela tem que escrever.

"Todo indivíduo em qualquer parte do mundo tem uma história extraordinária para contar."

Em “A Lista”, Cecelia Ahern nos conta não uma, mas várias histórias extraordinárias provando que de fato toda e qualquer pessoa tem algo de incrível para nos contar. É uma questão de saber olhar para o outro, se aproximar da maneira correta e mais do que tudo, não se colocar diante do outro como uma profissional prestes a tirar dele algo que valha a pena ser publicado e sim como um ser humano prestes a ouvir com atenção o que há para ser dito.

A escrita da autora é extremamente envolvente e a cada página ela nos proporciona um novo aprendizado. Além disso, embarcamos junto com Kitty na busca de um sentido para aquela lista de 100 nomes e terminamos a leitura mais humanos.

“A Lista” é uma história que nos faz refletir muito sobre nossa forma de avaliar pessoas, situações, condutas...é uma oportunidade de mudar a visão sobre o outro junto com Kitty e entender qual a mensagem Constance queria deixar não só para a jornalista, mas para cada personagem e para cada pessoa que lesse o livro.

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Lançamentos Julho Editora Novo Conceito

Julho está chegando e a Editora Novo Conceito prepara novidades interessantes para nós leitores. Confiram:

 Soldier: Leal Até o Fim - Sam Angus 

Sinopse: Quando Tom Ryder é convocado para lutar na Primeira Guerra Mundial, não imagina o quanto o seu irmão mais novo, Stanley, sentirá sua falta. A única alegria do garoto são os filhotes de Rocket, a cadela premiada que é o orgulho da família. Porém, ao descobrir que Rocket teve filhotes mestiços, o pai de Stanley fica furioso e ameaça afogar os cãezinhos. Inconformado e desejando reencontrar Tom, Stanley foge de casa. Mentindo a idade, consegue se alistar no exército britânico. Somente o amor incondicional pelos animais será capaz de fazê-lo sobreviver à brutalidade e à frieza dos campos de batalha. Uma prova de que a inocência e a sensibilidade podem ser mais poderosas do que a guerra. SOLDIER: Leal até o fim é um livro emocionante e intenso, recomendado para leitores de todas as idades, especialmente para os apaixonados por cães. 




Fragmentados - Neal Shusterman 

Sinopse: Fragmentados - Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria. Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe. O vencedor do Boston Globe-Horn Book Award, Neal Shusterman, desafia as ideias dos leitores sobre a vida: não apenas sobre onde ela começa e termina, mas sobre o que realmente significa estar vivo. 







Mentiras que Confortam - Randy Susan Meyers 

Sinopse: Cinco anos atrás... Tia apaixonou-se obsessivamente por um homem por quem nunca deveria ter se apaixonado. Quando engravidou, Nathan desapareceu, e ela entregou seu bebê para a adoção. Caroline adotou um bebê para agradar o marido. Agora ela questiona se está preparada para o papel de esposa e mãe. Juliette considerava sua vida perfeita: tinha um casamento sólido, dois lindos filhos e um negócio próspero. E então ela descobre o caso de Nathan. Ele prometeu que nunca a trairia novamente, e ela confiou nele. Hoje... Tia ainda não superou o fim do seu caso com Nathan. Todos os anos ela recebe fotos de sua garotinha, e desta vez, em um impulso, decide enviar algumas delas para a casa do ex-amante. É Juliette quem abre o envelope. Ela nunca soube da existência da criança, e agora precisa desesperadamente descobrir quantas outras mentiras sustentaram o seu casamento até hoje.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

NOVIDADE! Prometo Falhar de Pedro Chagas Freitas


A Editora Novo Conceito acaba de informar aos seus parceiros que em agosto será lançado o livro "Prometo Falhar" do Português Pedro Chagas. O autor fará uma turnê no Rio, Curitiba e São Paulo no começo de setembro e estará na Bienal. Os parceiros terão acesso ao lançamento antes para contar a vocês o que acharam da escrita de Pedro! =D

Sensacional!

"Prometo Falhar é escrito pelo gajo Pedro Chagas Freitas. Este foi o livro mais vendido em Portugal ano passado e um dos maiores sucessos da Europa. Em cenas, contos curtos e crônicas, ele relata situações do dia a dia que vocês vão se identificar e se apaixonar – aconteceu assim com a gente.
Prometo Falhar é contagiante. Após começar a ler suas páginas, é impossível ficar indiferente a escrita do Pedro. Podemos te garantir que todos prometerão falhar..."


segunda-feira, 22 de junho de 2015

RESENHA Outlander – O resgate no mar, Parte I de Diana Gabaldon

Por Mariana Lucera

Título: Outlander – O resgate no mar, Parte I
Título original: Voyager
Autora: Diana Gabaldon
Editora: Saída de Emergência      
Páginas: 591

Sinopse: Há vinte anos Claire Randall voltou no tempo e encontrou o amor de sua vida – Jamie Fraser, um escocês do século XVIII. Mas, desde que retornou à sua própria época, ela sempre pensou que ele tinha sido morto na Batalha de Culloden. Agora, em 1968, Claire descobre, com a ajuda de Roger Wakefield, evidências de que seu amado pode estar vivo. A lembrança do guerreiro escocês não a abandona… seu corpo e sua alma clamam por ele em seus sonhos. Claire terá que fazer uma escolha: voltar para Jamie ou ficar com Brianna, a filha dos dois. Jamie, por sua vez, está perdido. Os ingleses se recusaram a matá-lo depois de sufocarem a revolta de que ele fazia parte. Longe de sua amada e em meio a um país devastado pela guerra e pela fome, o rapaz precisa retomar sua vida. As intrigas ficam cada vez mais perigosas e, à medida que tempo e espaço se misturam, Claire e Jamie têm que encontrar a força e a coragem necessárias para enfrentar o desconhecido. Nesta viagem audaciosa, será que eles vão conseguir se reencontrar? 

--
A primeira parte do terceiro livro de Diana Gabaldon me tirou o fôlego. Estamos de volta às paisagens da Escócia. Ficamos sabendo ao final da Líbelula no Ambar que Jaime Fraser não tinha morrido na batalha de Culloden. É nesse exato ponto em que o Resgate no mar começa.

Ao longo das primeiras 381 páginas, nós leitores ficamos aflitos e ansiosos pelo reencontro de Claire e Jaime. É claro que Claire vai voltar para o passado. Ela precisa, agora que sabe que Jaime está vivo.
Com a ajuda do historiador Roger, e da filha Brianna, eles localizam Jaime no passado. Onde ele poderia estar e o que estaria fazendo.

Em paralelo, também sabemos o inferno que Jaime Fraser passou ao longo de quase 20 anos, depois que perdeu Claire. Acompanhamos sua trajetória e toda essa dinâmica entre a narração do passado com Jaime, o futuro com Claire em sua busca e o que ocorreu com Claire quando voltou para Frank são mostrados de forma harmoniosa e instigante, de forma que avançamos as 381 páginas querendo mais e sem nos darmos conta de que nossos personagens preferidos estão há 200 anos de distância um do outro.

Quando eles se reencontram, porque né, convenhamos, isso nem é um spoiler, é mágico, emocionante. Eu dava pulinhos no sofá, precisava parar a leitura, respirar e voltar a encarar as páginas, porque foi muito lindo.

Depois, temos algumas páginas de emoção, sexo e diálogos longos e densos, tão bem escritos que dá até vontade de beijar o livro. Nesses 20 anos em que estiveram separados, Claire e Jaime mudaram. Não são mais as mesmas pessoas que se separaram. Eles precisarão se conhecer novamente, ao ponto que seus corpos se lembram perfeitamente um do outro.

Resta agora esperar que a Saída de Emergência não demore muito tempo para lançar a continuação, pois o livro termina em uma parte calma, sem um perigo eminente ou algo chocante como terminou a Libélula no Âmbar.

Algo que também deve ser levado em conta nessa edição é que a preparação do texto ficou impecável, não tem um erro sequer de português. Pelo menos eu não encontrei.

O texto dá gosto de ler, é um romance histórico clássico e o mais rico que li até hoje.

Status: Esperando o Jaime Fraser voltar na próxima edição.

quarta-feira, 17 de junho de 2015

RESENHA Apenas um Ano de Gayle Forman

Título: Apenas um Ano
Título Original: Just One Year
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Páginas: 352
Sinopse: Em Apenas um Dia, os momentos de paixão entre Allyson e Willem foram interrompidos de maneira abrupta, lançando a jovem em um abismo de questionamentos e dor. Agora a história é contada pela voz de Willem. Sem saber exatamente o que o atraiu na garota de olhos grandes e jeito comportado, o rapaz inicia uma busca obsessiva por pistas que levem até a sua Lulu mesmo sem saber sequer o seu nome verdadeiro. Enquanto tenta compreender o mistério que os separou, Willem se esforça para costurar relacionamentos desgastados e procura respostas para o futuro. Mais do que uma aventura de verão, o encontro em Paris significou para ele o início da vida adulta. Da mesma autora dos best-sellers Se Eu Ficar e Para Onde Ela Foi. Apenas um Ano reúne todos os ingredientes de um romance imperdível: viagens, saudade, encontros, desencontros e amor.

“Há uma diferença entre perder algo que sabia ter e perder algo que se descobriu ter. uma é decepção. A outra é perda de verdade.”

Eu simplesmente me derreti com “Apenas um ano”. Já tinha me impressionado com “Apenas um dia”, mas não quase tanto como eu estava impressionada com a duologia “Se eu ficar” e “Para onde ela foi”.  Este livro, no entanto, une dois romances de uma forma tão perfeita que nem sei mais qual meu livro favorito da Formam. Ahhhh Formam...a autora é fantástica! Em um romance só temos viagens, relações familiares, honestidades, Shakespeare...

“E o mundo é maior ainda. E talvez tenhamos chegado o mais próximo que devêssemos chegar.”

Logo de cara você se vê numa história de amor fofa que não fala só sobre o amor, pelo menos não no sentido superficial. Willem de Ruiter acorda no hospital com nenhuma lembrança de seu passado, mas ele percebe que perdeu Lulu, a menina de quem passou um dia mágico em Paris.  Durante um ano ele viaja do México à Índia em busca dela, mas o mais importante, em busca de si mesmo.

Pra mim um dos maiores pontos fortes deste romance é o paralelismo rigoroso, mas também as diferenças chocantes  entre duas narrativas. Os “quase acidentes” entre esses dois vão fazer você chorar de frustração - mais de uma vez! Fazer o que....é Gayle Forman hehehehe – uma história das escolhas que fazemos e dos acidentes que acontecem na vida e da felicidade que podemos encontrar quando duas pessoas se cruzam...


"Toco a campainha de olho. Ninguém atende. Não faço ideia de quem vive aqui agora...”

segunda-feira, 15 de junho de 2015

RESENHA A Playlist de Hayden de Michelle Falkoff


Título: A Playlist de Hayden
Título original: Playlist for the dead
Autora: Michelle Falkoff
Editora: Novo Conceito        
Páginas: 283

Sinopse: Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola, o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente

Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.


"Era mesmo muito difícil estar ali sem ele."

Logo nas primeiras páginas meu coração já entra em desespero...Hayden se mata e seu amigo o encontra. Calma! Isso não é spoiler, tá na sinopse, não me matem.

Esse é daqueles livros que mexem com sua cabeça e seu coração e te dão uma ressaca literária danada! Mas pro bem...nos faz refletir sobre muitas coisas. Às vezes ferimos o próximos sem dar conta, às vezes não dizemos o quanto gostamos de uma pessoa, às vezes não reparamos no quanto o outro sofre sozinho e mesmo rodeado de amigos se sente solitário.

Eu fiquei aflita imaginando algum de meus amigos fazendo isso...me dá desespero só de cogitar!  O que eu amei no livro foi o livro começar com uma música em cada capítulo. Fiz até uma playlist no Spotify e quem quiser pode acompanhar – está com o nome de “A Playlist de Hayden” mesmo. A Editora Novo Conceito disponibilizou um site com as músicas também pra quem quiser ouvir só clicar aqui.


“Mas todo o sentido de se viver em um mundo de fantasia é a própria fantasia é si, não é?

O garoto Hayden nunca foi popular. Ele era geek, ele tinha um amigo apenas, sofria Bullying de todos os lados inclusive do seu próprio irmão e seus pais nunca deram muita atenção a ele. Eis que ele sai com seu melhor amigo Sam para uma festa e....incidentes acontecem. Hayden não aguentou e se suicidou com remédios e álcool.

Sam encontra seu corpo morto na manhã seguinte e uma lista de músicas dedicadas a ele. É aí que Sam tenta entender a vida de seu melhor amigo e refletir o motivo da morte de Hayden.

“Eu tinha escutado aquelas músicas sem parar naquele dia, tentando descobrir o que ele quis dizer com aquilo...”

Eu gostei deste livro, embora houvesse momentos lentos no livro. Eu gostei do personagem de Sam e dos segredos que se desenrolaram perto do fim. Eu me senti mal por Hayden, claro que ele deveria ter se matado após o incidente ... O suicídio não é a resposta nem a fuga, mas não tem como julgar uma alma desesperada.

“Muitas pessoas querem ser invisíveis. Talvez elas até pensem que podem fingir que são. Mas sempre alguém as vê.”

Na verdade acho que me senti pior pelo Sam, pois ele prezava muito a amizade e a pessoa que era Hayden. Enfim...curti muito, é cheio de citações de cantores, músicas e filmes e quadrinhos geeks que chamou mais minha atenção ainda. Devorei o livro e recomendo a todos vocês.


“Só que as garotas acham o Chris Martin gato e o Tom Yorke esquisito, por isso o Coldplay vende zilhões de álbuns e o Radiohead atinge os Geeks como a gente.”



A Playlist de Hayden

1. How to Disappear Completely- Radiohead
2. Crown of Love- Arcade Fire
3. Mad World- Tears For Fears/Gary Jules
4. Invisible- Skylar Gray
5. One- Metallica
6. Pumped up Kicks- Foster The People
7. I Don't want to Grow Up- The Ramones
8. Dianne Young- Vampire Weekend
9. Smells Like Teen Spirit- Nievana
10. One Step Closer- Linkin Park
11. The Mariner's Revenge Song- The Decemberists
12. Adam's Song- Blink 182
13. Alison- Elvis Costello
14. This is How It Goes- Aimee Mann
15. Despair- Yeah Yeah Yeahs
16. On Your Own- The Verve
17. Let It Go- The Neighborhood
18. Say Something- A Great Big World
19. Everybody Knows- Leonard Cohen
20. How to Fight Loneliness- Wilco
21. Conversation 16- The National
22. Last Goodbye- Jeff Buckley
23. Hurt- Nine Inch Nails
24. For Emma- Bon Iver
25. Cosmic Love- Florence And The Machine
26. The Mother We Share- Chvrches
27. It's Only Life- The Shins



sexta-feira, 12 de junho de 2015

RESENHA Uma Curva no Tempo de Dani Atkins


Título: Uma Curva no Tempo
Título original: Fractured
Autora: Dani Atkins
Editora: Arqueiro
Páginas: 240

Sinopse: Uma Curva no Tempo - A noite do acidente mudou tudo... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel está desmoronando. Ela mora sozinha em Londres, num apartamento minúsculo, tem um emprego sem nenhuma perspectiva e vive culpada pela morte de seu melhor amigo. Ela daria tudo para voltar no tempo. Mas a vida não funciona assim... Ou funciona?
A noite do acidente foi uma grande sorte... Agora, cinco anos depois, a vida de Rachel é perfeita. Ela tem um noivo maravilhoso, pai e amigos adoráveis e a carreira com que sempre sonhou. Mas por que será que ela não consegue afastar as lembranças de uma vida muito diferente?





Tudo se passa na Inglaterra e a história é contada em primeira pessoa pela protagonista Rachel que e depois volta pra cinco anos antes com diferentes reviravoltas e transformações.

Cinco anos atrás Rachel sofre um acidente onde um de seus amigos mais queridos da Faculdade morre. Esse acontecimento deixa a garota horrivelmente cicatrizada tanto facialmente quanto mentalmente. Devastada Rachel tem sua vida complemente mudada. Ela rompe seu relacionamento com seu namorado Matt e vive uma vida de solidão trabalhando em um trabalho que ela jamais quisera ter escolhido. Cinco anos depois ela retorna à sua cidade natal para o casamento de dois de seus amigos do grupo e enfrenta para as primeiras memórias de tempo de naquela noite terrível do acidente.

"Eu havia acreditado que, com o passar dos anos, alcançara um ponto de aceitação, mas percebia agora que tudo o que fizera fora passar uma fina camada de fingimento sobre a ferida."

Eis que voltamos pra um mundo diferente -  Rachel não tem cicatrizes, pai não está doente, seu amigo não morreu e ela está prestes a se casar com o ex-namorado Matt. Nada faz sentido para Rachel e apesar de este mundo ser muito melhor do que ela imaginou ela trava uma luta de insanidade mental.

O livro é perfeito! Da gramática a ortografia até o enredo intrincado e extremamente detalhado. Uma história muito bem arquitetada do começo ao fim. Cada parte fluiu muito bem pra a próxima e os detalhes são minuciosos. O livro coloca você no lugar de Rachel – muitos momentos nos pegamos incapazes de compreender o que está acontecendo com suas memórias e nos juntamos a ela em sua busca da descoberta da verdade.

“Ninguém nunca lhe disse que, quando se cria um mundo de fantasia, ele deve ser melhor que o mundo real... e não mil vezes pior?”


O final, apesar de ser um choque, é encantador. Não contar muito, pois corro o perigo de contar coisas importantes, mas se você gosta de uma história que o mantém pendurado no livro então este é definitivamente pra você. 

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Livro para colorir da série 'Game of Thrones' será lançado por George Martin

Preparem as canetinhas e lápis vermelhos, pois um livro de pintar da série Guerra dos Tronos vem aí! Se a moda não alcançou seu coração pode ter certeza que as personagens de George Martin vão alcançar (risos). 

O livro foi elaborado pelo próprio autor da série “As Crônicas de Gelo e Fogo” e está previsto para ser lançado em outubro deste ano. No site "Penguin Random House"já é possível fazer a pré-compra pelo preço de US$ 15.



Segundo o site Geekness "será possível colorir locações, cenas, personagens e outras imagens da saga, sendo que as ilustrações são feitas por artistas renovamos da ficção e fantasia, como Yvonne Gilbert, John Howe, Tomislav Tomic, Adam Stower e Levi Pinfold."

Se você curte pintar existe o site game of thrones coloring book que possui várias imagens da saga. Clique aqui.



Já existe um livro não oficial para pintar a venda na Amazon também. Achei engraçado:



quarta-feira, 10 de junho de 2015

RESENHA Que falta você me faz de Harlan Coben

Por Francine

Título: Que falta você me faz
Título Original: Missing You
Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Páginas: 368
Lançamento: 2015

Sinopse: Que Falta Você Me Faz - Dezoito anos se passaram desde que a detetive Kat Donovan sofreu as maiores perdas de sua vida: a morte do pai e o fim do relacionamento com o noivo. Foram dois acontecimentos muito bruscos que ela ainda não conseguiu superar totalmente, mas, no dia a dia, prefere não pensar muito nisso. Contudo, de uma só vez, essas duas feridas voltam a se abrir. Ao saber que o assassino de seu pai será executado, Kat resolve ter uma conversa com ele para esclarecer o caso. Mas o homem nega a autoria, dizendo que foi obrigado a confessar o crime, e ela acaba ficando com mais dúvidas. Ao mesmo tempo, a detetive é procurada por um garoto que acredita que a mãe está desaparecida. Sem entender por que o adolescente insiste que ela, e não um outro policial, investigue o caso, Kat descobre que o sumiço está relacionado a seu ex-noivo e a um site de relacionamentos. Lidando com dois casos simultâneos, ela decide seguir em frente com as investigações, mesmo que todos ao seu redor tentem dissuadi-la disso. Determinada, Kat trabalha segundo suas emoções, e a intuição lhe diz que ela não deve desistir. Neste livro, mais uma vez Harlan Coben trata de perigos e riscos que podem estar mais próximos da nossa realidade do que se imagina. O resultado é um romance instigante que traça um cenário verossímil e impactante, fazendo um alerta para ameaças atuais que rondam nosso mundo virtual.

Depois de 18 anos desde a morte de seu pai e do fim do seu noivado e consequente sumiço do ex-noivo, Jeff, a detetive Kat Donavan vai ter que enfrentar fantasmas do passado ao se deparar com a morte do suposto assassino do pai e ao reencontrar o ex-noivo em um site de relacionamentos. Enquanto isso, Kat precisa ajudar o jovem Brandon que acredita que há algo de estranho no “sumiço” da mãe que aparentemente foi fazer uma viagem romântica com um namorado misterioso que conheceu na internet. Ao mesmo tempo, ela tem que lidar também com as atitudes estranhas de seu superior no departamento de polícia e com possíveis mentiras que podem estar relacionadas ao seu passado. O que a detetive não imaginava é que, de alguma forma, todos esses casos poderiam estar ligados.

Fazia algum tempo que eu não lia Harlan Coben e a princípio me incomodou um pouco os capítulos intercalados entre Kat e o grupo dos sequestradores que estão com a mãe de Brandon. A história dos sequestradores estava mais interessante do que os devaneios da detetive acerca da morte do pai e do reencontro com o ex-noivo na internet. No entanto, a partir do momento em que os casos começam a se cruzar, a mudança de perspectiva fica mais interessante e a história ganha um ar mais investigativo que leva o leitor a tentar desvendar os mistérios por trás dos casos que rondam a mente de Kat. Ao final, o livro ganha ainda alguns momentos de ação que dão movimento à narrativa. E por fim, uma revelação um tanto quanto previsível dá desfecho a “Que falta você me faz” de uma forma um pouco morna.

O que impressiona e sempre faz valer a leitura de Harlan Coben é a capacidade do autor de interligar casos aparentemente sem nenhuma conexão e surpreender o leitor ao fazer isso de uma forma natural durante a condução da narrativa, sem deixar fios soltos e conseguindo amarrar até mesmo as pontas que acreditamos serem impossíveis de se juntarem.  

terça-feira, 9 de junho de 2015

Saiu Trailer Jogos Vorazes - A Esperança — O Final

Acaba de ser divulgado o primeiro teaser trailer de A Esperança — O Final, que tem previsão de estreia pra novembro deste ano. Vejam e surtem comigo!


domingo, 7 de junho de 2015

RESENHA O Príncipe de Westeros de George R. R. Martin

Título: O Príncipe de Westeros e outras histórias
Título Original: Rogues
Autores: Geroge R. R. Martin & Gardner Dozois + vários
Editora: Saída de Emergência
Páginas: 480

Sinopse: Obras inéditas de autores do gênero irão surpreendê-lo com enredos ardilosos e reviravoltas intrigantes. O próprio George R. R. Martin apresenta uma nova história do apaixonante e violento mundo de 'A Guerra dos Tronos', introduzindo um dos personagens mais canalhas da história de Westeros. Acompanhe grandes autores, como Gillian Flynn, Neil Gaiman, Patrick Rothfuss, Scott Lynch e muitos outros, nesta coleção de histórias emocionantes sobre vigaristas, mercenários e ladrões.







Não sei se já resenhei algum livro de contos, não me lembro agora, mas sei que é mega difícil fazer isso ainda mais com tanto conto foda (desculpem a palavra) de autores fantásticos!

Este livro é editado por George R. R. Martin e Gardner Dozois e contém a antologia de contos ‘Rogues’. São 21 contos com o tema de personagens “canalhas”. Depois da introdução de Martin, Neil Gaiman nos apresenta o primeiro conto “Todo mundo ama um canalha” onde já sabemos que tipos de escrita nos espera nos próximos contos.
Também temos  um conto muito legal que carrega o nome do livro “O Príncipe de Westeros ou irmão Rei” (The Rogue Prince) que se passa 80 anos antes da história do Cavaleiro dos Sete Reinos onde encontramos O Príncipe de Westeros - Dameon Targaryen.

Os autores escolhidos pra esse romance são sensacionais! Algumas histórias eram do tipo “ok”, outras muito boas e intrigantes e algumas não fizeram meu gosto, mas isso por que são diversos gêneros de escrita por aqui. Temos suspense, histórico, fantasia, etc. Mas desfrutei de tudo e viagem bastante nas histórias. Ri demais com “Qual a sua profissão de Gillian Flynn, história de uma profissional de serviços sexuais que parece levar a um final previsível, mas que te surpreende total.

Pra finalizar eu digo que este é um livro obrigatório para todos os fãs de George R. R. Martin e pra quem quer conhecer novos autores muito bons!



sábado, 30 de maio de 2015

Ebook "Fazendo Acontecer" de Francine Estevão a preço ZERO na Amazon!

Isso não é um post do Magazine Luiza :p mas é só até segunda-feira sem juros a preço zeroooo que o ebook "Fazendo Acontecer" está disponível na Amazon.

Se eu fosse você iria conferir de graça a história de Kate que não sabia que tinha um sonho até ele se realizar...se você gosta de música então aí que não pode deixar de ler!

Clique aqui e faça o download. 


Uma história sobre sonhos recheada de muita música.  Kate não sabia que tinha um sonho até ele se realizar. Sem saber o que realmente queria da vida, a jovem de 23 anos, recém-formada em jornalismo, deixou o emprego, o país de origem, os pais e tudo o que era certo em sua vida para se encontrar. Ela acreditava que Nova York seria o cenário perfeito para descobrir o que queria e se nada desse certo, ela poderia voltar para casa. 

O que Kate não esperava era encontrar tanta receptividade na selva de pedra nova-iorquina. Um lugar para morar, bons amigos e até um emprego que a levaria ao lugar onde ela sempre quis estar, mesmo que ela ainda não soubesse disso. 
Depois de deixar a casa dos pais, onde tinha tudo do bom e do melhor, a jovem se muda para uma pensão e vai trabalhar em um pub como garçonete. O emprego muda de rumo quando a banda que se apresenta aos fins de semana no pub sai em turnê e Kate vira a nova atração local. 
Sem ter certeza do que está fazendo, ela acaba percebendo que esse é o caminho que ela procurava e por obra do acaso ou do destino, o sonho de Kate está prestes a se realizar.

\o/ 

sexta-feira, 29 de maio de 2015

RESENHA Primeiro e Único de Emily Giffin

Título: Primeiro e Único
Título Original: The One and Only
Autora: Emily Giffin
Editora: Novo Conceito
Páginas: 448


Sinopse: Shea tem 33 anos e passou toda a sua vida em uma cidadezinha universitária que vive em função do futebol americano. Criada junto com sua melhor amigas, Lucy, filha do lendário treinador Clive Carr, Shea nunca teve coragem de deixar sua terra natal. Acabou cursando a universidade, onde conseguiu um emprego no departamento atlético e passa todos os dias junto do treinador e já está no mesmo cargo há mais de dez anos. Quando finalmente abre mão da segurança e decide trilhar um caminho desconhecido, Shea descobre novas verdades sobre pessoas e fatos e essa situação a obriga a confrontar seus desejos mais profundos, seus medos e segredos. A aclamada autora de Questões do Coração e Presentes da Vida criou uma história extraordinária sobre amor e lealdade e sobre uma heroína não convencional que luta para conciliá-los.

'' - Porque é parte de você. Parte de quem você é.''

A garota Shea vive e respira o futebol. Ela mora em uma pequena cidade universitária onde além de seu treinador de futebol, Clive Carr,  ser famoso é também pai de sua melhor amiga, Lucy. Depois de formada ela arruma um emprego no departamento atlético de sua Faculdade o que a permite ficar perto das pessoas que ama e continuar a apoiar sua equipe favorita. É então que Shea começa a se questionar se fez a escolha certa já que começa a descobrir novas verdades e segredos sobre as pessoas que achava que sabia algo...

''Agora cá estávamos, aparentemente no mesmo lugar, exatamente onde havíamos começado. Ainda assim, não éramos os mesmos. Nada mais era.''

Cada personagem deste livro é bem arredondado e fundamentado na realidade. São aqueles tipos de personagens que você deseja que fossem reais pra que você pudesse ser amigos deles. Juro que não sou doida hehehehe

Neil, Shea, Lucy, Treinador Carr, Lawton e toda a turma podem ser meros personagens de um livro, mas eles também poderiam ser um vizinho, um amigo ou a pessoa com quem trabalha de tão real que é o tipo de narração de Giffin. Eles são maravilhosamente detalhados e honestos com pensamentos e emoções que o leitor conseguem se conectar de longe. Outra coisa que curti muito no livro foi sua premissa – amei a cidadezinha universitária vista do ângulo de futebol. Me lembrou colegial e Faculdade.  

'' - Apenas se certifique de que é o que você quer.''

É impressionante a capacidade que Emily tem de torar possível o inacreditável. Personagens deslumbrantes neste livro que vão fazer com que todos que lêem querer devorar as páginas só pra descobrir o que acontece neste romance sobre futebol, amizade e amor! Mais uma vez Emily se supera na escrita! Super recomendado, ainda mais para quem curte futebol como eu. 

segunda-feira, 25 de maio de 2015

Nanuka Andrade é novo autor da Novo Conceito


A Editora Novo Conceito publicou em seu Snapchat que acaba de assinar com o autor de "Camundo - o Desenho e a Sombra" e "O Ladrão de Destinos, Nanuka Andrade. Além de escritor Nanuka é professor e desenhista.



NANUKA ANDRADE nasceu em S. Paulo, em 1.975. Em 79, mudou-se para o Rio de Janeiro onde começou a criar as primeiras histórias enquanto frequentava a Biblioteca Maria Mazetti (Casa de Rui Barbosa). “O Ratinho que era feio” rendeu uma entrevista no programa do cartunista Daniel Azulay, e desde então a paixão de Nanuka por livros e ilustrações nunca parou. Em 2.011 lançou seu primeiro romance infanto juvenil, “Camundo, o desenho e a sombra”, e, em 2.013, foi a vez de “O Ladrão de Destinos”. Em 2.014, empossou como acadêmico correspondente na Academia de Letras do Brasil, seccional Araraquara (SP). Fonte.

Ainda não sabemos qual livro a NC vai lançar, mas já deixo as capas da primeira edição e a sinopse que me chamaram atenção ^-^

Série Camundo

Primeiro Volume – O Desenho E A Sombra

Camundo 1
Depois de fugir de um asilo de desvalidos, Camundo encontra abrigo na casa de um rico e influente ervateiro. O que poderia ser um final feliz para um menino abandonado, acaba se tornando em uma infeliz sucessão de acidentes e infortúnios. Camundo não é um menino comum; é capaz de desenhar coisas terríveis, que acontecem logo em seguida: incêndios, acidentes e crimes, entre outras temeridades. O que Camundo não sabe é que desenhos assim podem despertar interesse de gente perigosa, como uma sociedade secreta, conhecida por Asseclas do Lagarto, que está disposta a tudo para trazer um segredo milenar à tona, escondido nos corredores subterrâneos da cidade.

Segundo Volume – O Signo Oculto

Quando Camundo é convocado a participar de um importante Congresso de Pictomancia, não imagina a difícil tarefa que terá pela frente: alterar antigas figuras apocalípticas, cuja autoria é atribuída a Nostradamus. Ao lado de Hans Eisenbahn e uma Ordem de Pictomantes um tanto pomposa, o menino embarca numa jornada perigosa, onde pessoas são capazes de antecipar tecnologias futuras jamais imaginadas para aquele tempo. Apesar destes pictomantes depositarem em Camundo o sucesso desta empreitada, sequer desconfiam a existência de outro, que, assim como o menino, é capaz de alterar o futuro; só que nada disposto a fazer o bem como a maioria dos pictomantes deste congresso…

Conto – A Sombra De Um Crime

A-sombra-de-um-crime-1Camundo é um menino que carrega um grande infortúnio. Tudo o que desenha acontece. De incêndios a inundações. Basta um comichão na canhota para o futuro tingir de negro os papéis de Camundo.
Quando o menino desenha uma mulher e um bebê prestes a cair nas garras de um malfeitor, ele, Hans Eisenbahn e um espalhafatoso policial se metem numa grande e perigosa confusão onde nem sempre as coisas são o que parecem ser… Suspense, aventura e um final surpreendente o aguardam neste conto que dá seguimento a aventura iniciada em “Camundo – o Desenho e a Sombra”.
Embarque no primeiro conto da Série Camundo! 
Este conto está em promo na Amazon a preço ZERO! Eu já fiz download do meu. Clique aqui e faça do seu também. 

O Ladrão De Destinos

“O Ladrão de Destinos” conduz o leitor por universos particulares da cultura japonesa e chinesa, ao passo que trava uma relação com os costumes e as crenças brasileiras, que dão um toque especial à narrativa. Do bairro da Liberdade aos confins das águas do São Francisco, os personagens encaram dilemas comuns à qualquer cultura, mas sempre tomando decisões enraizadas em valores étnicos singulares. Lendas e mitos que cercam o bairro oriental de São Paulo ajudam a conduzir a trama, e, em alguns momentos, parecem tão fantasiosos quanto a própria história de Mayumi Chen e sua jornada pelo mundo dos mortos.
O_LADRAO_DE_DESTINOSPara uma menina sonâmbula como Mayumi, o risco de despencar de um telhado ou ser atropelada por um automóvel enquanto está dormindo é apenas um dos diversos riscos que este terrivel distúrbio do sono pode oferecer. Afinal, perigo maior está entre os sonhos que a menina tem todas as vezes em que isso acontece. Neles, acredita viajar para um lugar chamado Orla, onde pessoas vivas ou mortas transitam sem a menor cerimônia. Quando terríveis eventos passam a colocar a vida de recém-nascidos em risco, Mayumi se vê obrigada a descobrir quem está por trás destes misteriosos eventos. Alguém conhecido à boca pequena como o Ladrão de Destinos.
O Ladrão de Destinos também está na Amazon por um preço bacana e é digno de ser comprado com uma sinopse dessas =D Clique aqui. 
Outro e-book que adquiri e achei bem interessante foi o Contos de Fantasmas - O Espectro no Corredor e outras histórias. Me encantei com a capa:

Contos de Fantasmas, de Nanuka Andrade, traz quatro histórias com finais surpreendentes. Do Japão à São Paulo, espectros bem intencionados podem trazer recados preciosos...

sexta-feira, 22 de maio de 2015

RESENHA Neve na Primavera de Sarah Jio

Título: Neve na Primavera
Título original: Blackberry Winter
Autora: Sara Jio
Editora: Novo Conceito        
Páginas: 333

Sinopse: Vera Ray dá um beijo no pequeno Daniel e, mesmo contrariada, sai para trabalhar. Ela odeia o turno da noite, mas o emprego de camareira no hotel garante o sustento de seu filho. Na manhã seguinte, o dia 2 de maio, uma nevasca desaba sobre a cidade.
Vera se apressa para chegar em casa antes de Daniel acordar, mas encontra vazia a cama do menino. O ursinho de pelúcia está jogado na rua, esquecido sobre a neve. Na Seattle do nosso tempo, a repórter Claire Aldridge é despertada por uma tempestade de neve fora de época. O dia é 2 de maio. Designada para escrever sobre esse fenômeno, que acontece pela segunda vez em setenta anos, Claire se interessa pelo caso do desaparecimento de Daniel Ray, que permanece sem solução, e promete a si mesma chegar à verdade. Ela descobrirá, também, que está mais próxima de Vera do que imaginava.


"Os segredos têm dessas: sempre encontram seu caminho. Mesmo que leve uma vida toda.”

A sinopse desse livro chamou muito minha atenção. Neve na Primavera é uma história emaranhada que tece os eventos que cercam o desaparecimento de um menino de 3 anos  - Daniel Ray -  em 1933 e da busca de um jornalista - Claire Aldridge -  por respostas atuais do que aconteceu em 1933. Sarah Jio coloca elementos  místicos para ajudar a relacionar a forma de como tudo se desenrola para ajudar a desvendar o mistério. A autora consegue alternar perfeitamente os capítulos 1933-2010, retratando cada período de tempo muito bem e ligando as histórias de várias maneiras. Essas transições foram feitas perfeitamente usando a jornada de Claire como um meio dela confrontar e enfrentar sua própria dor.

“Nenhuma mãe deveria jamais perder um filho.”

O interessante é que a história parece de suspense, mas tem um pouco de tudo - ficção romance, mistérios, coisas históricas.

É uma leitura rápida e fácil. Só achei que a capa poderia ter sido mais explorada, ter sido mais bonita. Amei a sinopse, mas não fui muito com a cara da capa, não achei que capricharam tanto dessa vez quanto em Violetas de Março. A capa Americana também não me agrada muito, mas é melhorzinha que a nossa.



A prosa é leve e envolvente e a trama é daquelas que te prendem desde o início com algumas reviravoltas ao longo do caminho que eu não esperava. . É uma história interessante com diversos temas fortes que lhe conferem peso. Se você estiver procurando por um livro pelo qual você pode simplesmente perder-se por algumas horas e totalmente entrar na história este é o ideal.

Ah! O Título em inglês é "Blackberry Winter" pois a autora se inspirou na música Blackberry Winter, de Hilary Kole quando ouviu no rádio do seu carro. O título da música acabou sendo o mesmo do livro e a letra tem bastante a ver com o romance. Ouçam:






quarta-feira, 20 de maio de 2015

Editora Valentina vai lançar Black, para sempre de Sandi Lynn

A Editora Valentina divulgou a capa do primeiro livro da série erótica Forever, da autora Sandi Lynn. O título é Black - Para sempre e apesar de ser erótico a capa me agradou bastante. Vejam:




terça-feira, 19 de maio de 2015

Gatos para alegrar sua estante

Gente, passeando pela internê encontrei um site da HP que achei muito fofo e quis compartilhar com vocês. Pra quem gosta de gatos e animais vai amar mais ainda!

São modelos de gatos para enfeitar sua estante. Basta você imprimir da cor que quer ou até mesmo imprimir branco e pintar também, o que vale é criatividade. 

Depois só recortar e enfeitar a estante.

Vejam:


Os modelos se encontram AQUI NESTE LINK.