sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Lançamentos de fevereiro: Arqueiro, Sextante e Saída de Emergência

“Para Sir Phillip, com amor”, Julia Quinn - quinto livro da série Os Bridgertons

Sinopse: Eloise Bridgerton é uma jovem simpática e extrovertida, cuja forma preferida de comunicação sempre foram as cartas, nas quais sua personalidade se torna ainda mais cativante. Quando uma prima distante morre, ela decide escrever para o viúvo e oferecer as condolências. Ao ser surpreendido por um gesto tão amável vindo de uma desconhecida, Sir Phillip resolve retribuir a atenção e responder. Assim, os dois começam uma instigante troca de correspondências. Ele logo descobre que Eloise, além de uma solteirona que nunca encontrou o par perfeito, é uma confidente de rara inteligência. E ela fica sabendo que Sir Phillip é um cavalheiro honrado que quer encontrar uma esposa para ajudá-lo na criação de seus dois filhos órfãos. Após alguns meses, uma das cartas traz uma proposta peculiar: o que Eloise acharia de passar uma temporada com Sir Phillip para os dois se conhecerem melhor e, caso se deem bem, pensarem em se casar? Ela aceita o convite, mas em pouco tempo eles se dão conta de que, ao vivo, não são bem como imaginaram. Ela é voluntariosa e não para de falar, e ele é temperamental e rude, com um comportamento bem diferente dos homens da alta sociedade londrina. Apesar disso, nos raros momentos em que Eloise fecha a boca, Phillip só pensa em beijá-la. E cada vez que ele sorri, o resto do mundo desaparece e ela só quer se jogar em seus braços. Agora os dois precisam descobrir se, mesmo com todas as suas imperfeições, foram feitos um para o outro.

“O príncipe das sombras”, Sylvain Reynard (introdução à sua nova série, Noites em Florença, que será lançada em breve)

Sinopse: Um conjunto muito valioso de ilustrações de Botticelli sobre A divina comédia, de Dante Alighieri, é exposto na Galleria degli Uffizi, em Florença. O dono das peças é o famoso professor de literatura Gabriel Emerson. Quando se deixou persuadir por sua amada esposa, Julianne, concordando em dividir com o mundo a beleza daquelas obras de arte, Gabriel jamais poderia imaginar que estaria atraindo para si um poderoso inimigo.
Mais de um século antes, aquelas mesmas ilustrações foram roubadas de seu verdadeiro dono, o Príncipe de Florença, uma criatura sobrenatural e misteriosa que governa o submundo da cidade e há muito não sabe o que é o amor. Agora um dos seres mais perigosos da Itália está disposto a recuperar o que lhe pertence e se vingar de Gabriel e Julianne. Mas logo seus planos são frustrados. Um atentado o obriga a deixar os Emersons de lado, afinal ele precisa resolver assuntos muito mais importantes. Tanto seu principado quanto sua própria vida parecem estar em risco. Passado na cidade mais artística da Itália, O príncipe das sombras é uma incrível introdução à nova série de Sylvain Reynard, Noites em Florença, e vai deixar os leitores com gostinho de quero mais.

“Tensão”, Gail McHugh


Sinopse: Após a morte da mãe, a vida de Emily Cooper vira de cabeça para baixo. Ela precisa de um novo começo, e Dillon Parker, seu namorado, a convence a se mudar para mais perto dele a fim de passarem mais tempo juntos.  
Em Nova York, Emily arranja um emprego temporário como garçonete em um restaurante no centro de Manhattan. Ao sair para fazer uma entrega logo no primeiro dia de trabalho, ela esbarra em Gavin Blake, um empresário sexy e bem-sucedido. Assim que seus olhares se encontram, há uma tensão no ar, mas nenhum dos dois consegue entender ou explicar essa forte conexão. Atormentada, Emily tenta não pensar muito naquele desconhecido que mexeu tanto com ela.  
Porém, ela descobre que Dillon e Gavin são amigos e que terá de conviver com ele muito mais do que poderia ter imaginado. Perdida em sentimentos confusos, Emily sente o desejo por Gavin crescer e se tornar mais ardente a cada vez que se encontram. Será que os dois vão resistir à tensão ou se entregar a essa paixão, apesar de todas as consequências?

“O duelo dos reis”, Joe Abercrombie - último volume da trilogia A primeira lei

Sinopse: “A trilogia chega a uma conclusão violenta, sarcástica e brilhante. Abercrombie é um novo talento, que apresenta com humor uma visão sombria da vida. Os leitores vão lamentar o fim desta história.” – Publishers Weekly  
A União está em guerra. Ao norte, o coronel West e suas tropas recuperaram a fortaleza de Dunbrec, mas a batalha pode se arrastar por anos, porque o rei dos nórdicos não irá se render. É hora de Nove Dedos voltar e enfrentar seu pior inimigo. O problema é que, no calor da batalha, nunca se sabe quando o Nove Sangrento surgirá de dentro dele – e o Nove Sangrento não escolhe lado, só quer matar. Na Terra do Meio, uma revolução camponesa por direitos igualitários e participação política desestabiliza os governos locais. Caberá a Jezal dan Luthar negociar a paz e, se preciso, combater o próprio povo. 
Na capital, com o rei doente e sem herdeiros, os membros do Conselho Fechado começam a comprar apoio dos nobres, numa corrida oculta ao trono. Depois de ter escapado por pouco de Dagoska, Sand dan Glokta precisa sobreviver ao jogo político. Para isso, vai usar os recursos em que é mestre: chantagem, ameaça e tortura. Além disso, tropas gurkenses se movem no sul em direção a Adua, dispostas a travar uma guerra santa e levar Bayaz a julgamento. Para salvar o mundo, o Primeiro dos Magos precisa salvar a si mesmo, porém há riscos enormes quando se mexe com magia. E nada pode ser mais arriscado do que quebrar a Primeira Lei. O duelo dos reis é um épico sombrio e brilhante, um final de tirar o fôlego para a trilogia que redefiniu a literatura fantástica.

“A toda prova”, Harlan Coben – último livro da série Myron Bolitar


Sinopse: Oito meses se passaram desde que Mickey Bolitar presenciou a trágica morte de seu pai. Por muito tempo, o garoto não teve nenhum motivo para questionar o que aconteceu naquele acidente fatal. 
Porém, de repente, ele começa a perceber mentiras, segredos obscuros e questões sem resposta que o deixam desnorteado. Por que sua vizinha reclusa afirma que Brad Bolitar está vivo? Por que o paramédico que tentara socorrer seu pai reapareceu subitamente na cidade? 
Mesmo ansiando pela solução do mistério, Mickey precisa se dedicar a outro estranho caso. Sua amiga Ema revela que começou um relacionamento pela internet e que está apaixonada. Contudo, seu suposto namorado sumiu sem explicação. Recusando-se a acreditar que foi enganada, ela pede a ajuda de Mickey.
Aparentemente, a fama do sobrinho de Myron Bolitar como investigador já se espalhou, pois até seu rival, Troy Taylor, suplica que ele o auxilie. O garoto foi pego no exame antidoping e ficará de fora do time de basquete em seu último ano na escola. Ainda que desconfiado, Mickey acaba se envolvendo em uma trama que se mostrará mais grave do que parece.
Neste desfecho da série, três mistérios mobilizam a vida do jovem herói, mas nada pode prepará-lo para a grande verdade.

“A rainha normanda”, Patricia Bracewell

Sinopse: Em 1002, Emma da Normandia, uma nobre de apenas 15 anos, atravessa o Mar Estreito para se casar. O homem destinado a ser seu marido é o poderoso rei da Inglaterra, Æthelred II, muito mais velho que ela e já pai de vários filhos. A primeira vez que ela o vê é à porta da catedral, no dia da cerimônia. Assim, de uma hora para outra, Emma se torna parte de uma corte traiçoeira, presa a um marido temperamental e bruto, que não confia nela. Além disso, está cercada de enteados que se ressentem de sua presença e é obrigada a lidar com uma rival muito envolvente que cobiça tanto seu marido quanto sua coroa. Determinada a vencer seus adversários, Emma forja alianças com pessoas influentes na corte e conquista a afeição do povo inglês. Mas o despertar de seu amor por um homem que não é seu marido e a iminente ameaça de uma invasão viking colocam em perigo sua posição como rainha e sua própria vida. Baseado em acontecimentos reais registrados na Crônica Anglo-saxã, A rainha normanda conduz o leitor por um período histórico fascinante e esquecido, no qual fantasmas vigiam os salões do poder, a mão de Deus está presente em cada ação e a morte é uma ameaça sempre à espreita.  
Governando na época compreendida entre o rei Artur e a rainha Elisabeth I, a rainha Emma é uma heroína inesquecível cuja luta para encontrar seu lugar no mundo continua fascinante até hoje.

Pela Editora Saída de Emergência, chega às livrarias “Sangue mágico”, Ilona Andrews - primeiro volume da série Kate Daniels

Sinopse: Se não fosse pela magia, Atlanta seria uma boa cidade para viver. No momento em que a magia domina, os carros param e as armas falham.  
Quando a tecnologia assume, os feitiços de proteção já não protegem sua casa dos monstros. Aqui, os arranha-céus são derrubados pelo ataque da magia; homens-lobo e homens-hiena rondam as ruas arruinadas; e os Mestres dos Mortos, necromantes impulsionados pela fome de poder, comandam vampiros com suas mentes. 
Neste mundo, vive Kate Daniels. Kate gosta um um pouco demais de usar a sua espada e tem dificuldade de ficar calada. A magia em seu sangue a torna um alvo, e ela passa a maior parte da vida se escondendo no meio da multidão.
Mas quando o guardião de Kate é assassinado, ela deve optar entre não fazer nada e manter-se segura… ou perseguir o assassino sobrenatural. Esconder-se é fácil, mas a escolha certa nunca o é...

A série “Quarteto de Noivas”, da Nora Roberts ganha um box especial com os quatro livros que contam as histórias de amor das amigas Mac, Emma, Laurel e Parker.




Dois livros ainda ganharão reedição pela Sextante. São eles:

“O código da inteligência”, Augusto Cury

Sinopse: Com 1,2 milhão de exemplares vendidos, este grande sucesso de Augusto Cury se debruça sobre um instigante tema: os códigos da inteligência socioemocional, que são um conjunto de atitudes capazes de estimular os jovens e adultos a libertar a criatividade, expandir a arte de pensar, desenvolver a saúde psíquica e buscar excelência profissional. 
Analisando a fundo o funcionamento de cada um desses códigos e os benefícios que nos trazem, Cury mostra como podemos assumir o controle de nossa vida, superando medos, inseguranças e limitações.
O autor também alerta para as quatro armadilhas da mente (o conformismo, o coitadismo, o medo de reconhecer os erros e o medo de correr riscos), que aprisionam a criatividade, asfixiam a emoção e aumentam o estresse. Em uma abordagem inovadora, você vai descobrir como lapidar, expandir e irrigar sua inteligência socioemocional.
Analisando o comportamento humano sob os pontos de vista psicológico, filosófico, psicopedagógico e sociológico, Cury aborda os hábitos dos bons profissionais e os compara com os hábitos dos profissionais excelentes – aqueles que decifram os códigos da inteligência.
Ao explicar de forma simples e acessível o processo de construção dos pensamentos e de formação dos grandes pensadores, este livro vai oxigenar a mente de pais, professores, alunos, cônjuges e amigos, transformando a existência em uma fantástica aventura.

“Como reconquistar seu ex”, Paula Cassim

Sinopse: Terminar um relacionamento é sempre doloroso. Se você está passando por essa experiência, talvez já tenha usado mil estratégias para reconquistar seu parceiro: telefonou, mandou mensagem, apareceu de surpresa no trabalho dele, foi a todas as festas a que ele foi convidado... E nada funcionou, certo? É porque essas atitudes só servem para afastá-lo ainda mais. Neste livro, Paula Cassim apresenta estratégias para você virar o jogo e trazê-lo de volta para sua vida.
Como reconquistar seu ex apresenta dicas práticas, orientações para diversas situações e regras simples sobre o que fazer – e o que não fazer – para se tornar novamente irresistível aos olhos do seu grande amor.
Com um texto leve e divertido, Paula vai ajudar você a adotar uma postura mais segura, melhorar sua autoestima e abandonar comportamentos inadequados, aprendendo a se valorizar e a amar o outro sem cobranças, inseguranças ou manipulações. Porque o verdadeiro amor sempre merece uma segunda chance.
Tem ainda o lançamento de “O caminho para a liberdade financeira”, de Bodo Schäfer

Sinopse: Aos 26 anos, falido e cheio de dívidas, Bodo Schäfer decidiu que estava na hora de revolucionar suas finanças. Com a ajuda de um mentor, em menos de quatro anos conseguiu reequilibrar as contas e adquirir um patrimônio respeitável.

Bodo criou um conjunto de técnicas não só para enriquecer, mas também para estabelecer uma convivência equilibrada com o dinheiro. Ele constatou que as pessoas mais felizes são as que cultivam uma relação harmoniosa entre seus sonhos, valores, metas e estratégias, e é sobre essa base que você deve construir a sua riqueza.

Agora seu método está ao alcance de todos, numa linguagem clara e
descomplicada. Em O caminho para a liberdade financeira, você vai aprender a:

• Assumir plena responsabilidade pela sua vida e pelas suas finanças,
saindo de sua zona de conforto e estabelecendo metas ambiciosas de
longo prazo.

• Encarar os problemas como oportunidades de crescimento, construindo o hábito de não desistir diante dos fracassos.

• Aumentar seus ganhos, encontrando novas fontes de renda.

• Poupar de maneira consciente e eficaz.

• Começar por investimentos conservadores e aumentar gradativamente o
risco de suas aplicações.

• Construir a sua própria galinha dos ovos de ouro, fazendo seu dinheiro trabalhar para você através dos investimentos mais indicados ao seu perfil.


quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

RESULTADO Promoção de 3 anos do Magia Literária

Olá, pessoal! Hoje saiu o tão esperado resultado da promo de aniversário do Magia literária!

Vejam as ganhadoras!




A primeira sorteada escolhe os quatro livros que deseja e a segunda sorteada ficará com os outros livros que restarem. ^-^

Parabéns, meninas! Andreana, escolha seus livros. Caso queira "Claro que te Amo" envie seu e-mail para sociedadedolivrorp@gmail.com

Obrigada pela participação de todos! Em breve teremos mais sorteios pra vocês! Beijão!



segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

RESENHA: "Belleville", Felipe Colbert




Por Carla Rojas Montero


Título: Belleville
Autora: Felipe Colbert
Editora: Novo Conceito
Lançamento: 2014
Páginas: 304


Sinopse: Se pudesse, Lucius aterrissaria em 1964 para ajudar Anabelle a realizar o grande sonho do seu falecido pai! De quebra, ajudaria a moça a enfrentar alguns problemas muito difíceis, entre eles resistir à violência do seu tio Lino. Claro que conhecer de perto os lindos olhos verdes que ele viu no retrato não seria nenhum sacrifício... Sem conseguir explicar o que está acontecendo, Lucius inicia uma intensa troca de correspondência com a antiga moradora da casa para onde se mudou. Uma relação que começa com desconfiança, passa pelo carinho e evolui para uma irresistível paixão – e para um pedido de socorro...

 A história de Belleville se inicia com uma carta bem peculiar de uma garota chamada Anabelle. Nela encontramos os primeiros chamarizes para a leitura, bem, se você ainda não percebeu pela capa, a trama gira em torno da construção de uma montanha-russa nos terrenos de uma casa, basicamente uma montanha-russa caseira.

  Só que Anabelle e seu pai, que foi quem iniciou o projeto, viveram na década de 60. E Belleville, que é o nome da montanha-russa, permaneceu inacabada e intocada até a chegada de um novo morador da casa, Lucius, um universitário novo na cidade, cinquenta anos depois.

  Apenas esse pequeno prospecto já serviu pra me cativar. Parece bem louco que tudo se desenrole por causa da montanha-russa, mas é algo original e encantador, afinal, quem nunca se sentiu cativado por um "brinquedo" desses na infância? Eu mesma, embora com medo de altura e tal, sempre gostei muito desse tipo de atração.

  Nós acompanhamos simultaneamente o desenrolar das histórias de Lucius e Anabelle. O primeiro tentando se adaptar à nova rotina e megacurioso para descobrir mais sobre o estranho projeto nos fundos da casa e sobre a antiga moradora da residencia, que lhe escrevera uma carta, e Anabelle, lidando com a perda de ambos os pais dentro de apenas um ano e que a deixara sozinha e sem recursos.

  E é aí que a magia acontece, literalmente. De alguma maneira, quando Lucius decide responder a carta, não para Anabelle, mas sim para quem quer que habitasse a casa depois dele, ela acaba chegando às mãos da garota. A caixa em que Anabelle enterrara a primeira carta se torna o meio de comunicação entre os dois, um portal entre os diferentes tempos. 

  Gostei particularmente de Anabelle, ela mostra uma força e determinação sem perder a doçura que torna difícil não gostar dela, especialmente porque ela passa por situações bem péssimas. Orfã, ela acaba entregue aos cuidados e tirania de um tio horrendo. Mas é a relação da garota com Lucius que é a melhor parte do livro. 

  Não há outra maneira de descrever esse relacionamento que não passe por apaixonante. É impossível não se cativar e torcer pelo casal (é bem ao estilo do filme A Casa do Lago na verdade, se você gostou do filme, vai gostar do livro). Lucius e Anabelle acabam apaixonando-se apesar de tudo que os impede de ficar juntos e deixam os leitores com o coração apertado torcendo por um final feliz. É isso, Felipe Colbert cria muito bem um livro encantador, belo e romântico, certamente uma boa pedida para os fãs desse tipo de leitura (eu, inclusive).

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Promoção 3 anos de Magia Literária! Faltam 4 dias!


Vocês ainda tem 4 dias para participar da promoção de 3 anos do #MagiaLiterária! 

São mais de 40 livros e vários mimos. Tem sorteio pelo Rafflecopter, Facebook, Twitter e Instagram, não perca essa chance!

Acesse este post e fique por dentro! São muitos livros! Não fique de fora!

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

RESENHA: Sonhos Despedaçados de Ellie James

Por Maju Raz



Título Original: Shattered Dreams

Autora: Ellie James


Páginas: 320

Ano: 2014

SinopseEm uma casa abandonada, um grupo de adolescentes joga Verdade ou Desafio. Antes de a noite acabar, a garota mais popular da escola desaparece como se fosse por mágica.

Recém-chegada à cidade, Trinity preferiria não ter as visões que a atormentam tanto... Agora ela precisa agir rápido, porque todas as suspeitas levam até ela.

Cheio de reviravoltas e sustos, Sonhos Despedaçados é leitura obrigatória para quem gosta de tramas com desfechos imprevisíveis. Os cenários ajudam a compor o mistério, e podem ser os cemitérios antigos de Nova Orleans ou os destroços deixados pelo furacão Katrina. O único problema: você não vai ter coragem de ler este livro quando estiver sozinho em casa.


Escolhi pela capa e não me arrependi. Achei a capa nacional mais bela que a original.  Amo thrillers e fiquei bem curiosa com a sinopse dele depois de julgá-lo com a capa. Única coisa que não curti muito foi essa libélula voadora, mas de resto, sensacional. Mais uma vez nossa parceira Editora Novo Conceito arrasou na diagramação. Muito obrigada <3























Este livro é o primeiro da trilogia “Libélula da Meia-Noite” (Midnight Dragonfly #1) e pelo que a blogosfera dizia eu esperava menos dele, mas desde a primeira página que eu estava ligadona na leitura e no estilo de narrativa de Ellie.

"Mas nem todos os sonhos eram bons, e nem todos mereciam escapar do teatro de sombras da mente."

Trinity é a personagem principal. Ela é impressionante! Corajosa, engraçada, inteligente, gentil, e não tem medo de ser detestada pelas pessoas populares da escola, muito pelo contrário, ela é uma das únicas pessoas dispostas a enfrentar todos. Chase é um personagem excêntrico. Ele é fofo, doce, corajoso também, atencioso e disposto a fazer tudo por Trinity. Gostei bastante das personagens e suas características.

"Na verdade, tudo tinha a ver com Chase."


Você vicia na história que começa em uma mansão supostamente assombrada. Vários adolescentes resolvem jogar verdade ou desafio em uma casa abandonada...eis que antes da brincadeira acabar, a garota mais popular da escola some. Logo muitas  reviravoltas e surpresas te prendem até o fim. Tudo se passa em Nova Orleans e eu me senti lá dentro!

"Mentiras não protegem. Mentiras destroem."

Não posso contar mais detalhes pois tudo o que eu disse pode estragar o suspense. Só sei no geral, Sonhos Despedaçados é uma leitura obrigatória! Gostei demais desse livro e eu não posso esperar para o próximo livro da série!

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

TAG "Meus livros! Ninguém sai."

Por Maju Raz

Passeando pela blogosfera encontrei uma TAG engraçadíssima no blog Estante Diagonal. Eles viram essa TAG no Um Minuto, Um Livro, porém quem criou a TAG original foi o site De Cara nas Letras. Esta TAG é muito comédia e é baseada no vídeo viral "Meus óculos! Ninguém sai." 



Parabéns pessoal e obrigada por me fazerem rir.

"Ei coisinha vai devagar!" Qual o livro que você leu muito rápido, praticamente devorou?
Devorei Asylum de Madeleine Roux. Um suspensezinho gostoso de ler.


 
"Eu vou me segurar aqui." Qual livro te prendeu? 
O melhor de mim do Nicholas Sparks com certeza prende qualquer um.


"Se eu cair quebro minha clavícula!" Qual obra te desestabilizou emocionalmente?
Eleanor & Park de Rainbow Rowell – é um livro engraçado, triste, sarcástico, sincero...



"Meu óculos, NINGUÉM SAI!" Qual livro você não empresta, ou tem muito ciúmes?
 Tenho ciúmes de muitos livros meus, mas não empresto Harry Potter, nem meus pop ups nem lascando!





"Juliana, você viu os meu óculos?" Qual livro você emprestou e nunca mais viu na vida?
Foram tantos que nem sei te falar...graças a Deus meus amigos literários não são desses.


"Juliana, tá des-mai-a-da" Qual livro te deixou com ressaca literária, sem poder ler outro livro?
A menina que roubava livros sugou minhas energias por um tempo.



 "Shamochamochamu, Chama o Samu!" Que livro te deixou louco pela continuação?
Vale repetir? Pois se valer de novo o Asylum. Não vejo a hora de sair o dooooois aqui no Brasil.



"Eu errei viu" Escreva aqui o livro que você achou que seria uma coisa e era outra!

 Achei que “Um conto do Destino” seria bom e era bom demais! 


segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Clube do Livro Ribeirão - Encontro de Janeiro



O Clube do Livro de Ribeirão faz seu primeiro encontro de 2015 neste sábado, 24 de janeiro, às 16 horas, na livraria Paraler (R. Capitão Adelmio Norberto da Silva, 786). 

O livro que será discutido será "Azul da cor do mar", da Marina Carvalho, lançado pela editora Novo Conceito. Além de discutir sobre a obra em si, o encontro é uma oportunidade para falar sobre literatura nacional. 

Mais informações sobre o evento aqui.



Sinopse: Acaso, destino ou loucura? No caso de Rafaela, Pode ser tudo isso junto. Para alguém como ela, nada é impossível. Rafaela sonha desde a adolescência com o garoto que viu uma vez, perto do mar, carregando uma mochila xadrez... A idéia fixa não a impediu, porém, de ser uma menina alegre e muito decidida. Ela quer ser jornalista, e seu sonho está se concretizando: Rafaela Vilas Boas (um nome tão imponente para alguém tão desajeitado) conseguiu um estágio no melhor jornal de Minas Gerais. Mas, como estamos falando de Rafa, alguma coisa tinha que dar errado. O jornal é mesmo incrível, mas seu colega de trabalho, Bernardo, não é a pessoa mais simpática do Mundo. Em meio a reportagens arriscadas – e alguns tropeços -, Bernardo acaba percebendo, contra a sua vontade, que Rafaela leva jeito para a coisa... E que eles formam uma dupla de tirar o fôlego. Mas e a mochila? E o garoto, o envelope, as cartas? Um dia a estabanada Rafaela vai ter que se libertar dessa obsessão. 


sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Trailer Simplesmente acontece - Cecelia Ahern

Este é um post curto, mas meio surtadinho ^-^

É SÓ PRA DIZER QUE SEMANA QUE VEM TÁ CHEGANDOOOOOOOOOO E QUE ESTREIA SIMPLESMENTE ACONTECE!!!

Hoje fui ao cinema e vi o Trailer mais uma vez e resolvi vir surtar com vocês hehehehe.

Simplesmente Acontece, de Cecelia Ahern, foi publicado pela nossa parceira Editora Novo Conceito. O título original do livro é ''Love, Rosie''. Você pode fazer o download do primeiro capítulo do livro aqui pra conferir um pouquinho a narrativa da autora. 

Na trama os jovens britânicos Rosie (Lily Collins) e Alex (Sam Claflin) são amigos inseparáveis desde a infância, experimentando juntos as dificuldades amorosas, familiares e escolares. Embora exista uma atração entre eles, os dois mantêm a amizade acima de tudo. Um dia, Alex decide aceitar um convite para estudar medicina em Harvard, nos Estados Unidos. A distância entre eles faz com que nasçam os primeiros segredos, enquanto cada um encontra outros namorados e namoradas. Mas o destino continua atraindo Rosie e Alex um ao outro.

A Fran já fez a resenha e contou pra gente o que achou - vejam aqui. 

Confiram o trailer:






quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

RESENHA: "Minta que me ama", Maria Duffy

Por Francine Estevão

Título: Minta que me ama
Título original: Any Dream Will Do
Autores: Maria Duffy
Editora: Novo Conceito
Lançamento: 2014

Sinopse: O inverno é a estação mais aconchegante do ano, mas Jenny Breslin não se sente nada confortável. Tudo na sua vida a total ausência de romance, o emprego chatíssimo no banco foi tocado pela mágica das festas de fim de ano. A simples ideia de passar por mais um Natal com a sua mãe extravagante e Harry, o novo namorado dela, a enche de pavor. Mas isso é na vida real... No Twitter, as coisas não poderiam estar mais interessantes. Nele, Jenny tem uma carreira em ascensão, uma vida amorosa sensacional e uma agenda superconcorrida. Então, em uma noite de bebedeira, Jenny está tuitando com suas amigas Zahra, Fiona e Kerry. E de repente ela as convida para passar alguns dias em sua casa em Dublin. À medida que a sua vida virtual entra em rota de colisão com a sua verdadeira rotina, Jenny não sabe para onde correr. Tudo parece contribuir para mostrar que a existência das suas companheiras de Twitter é um milhão de vezes mais interessante do que a sua. O fim de semana chega, e segredos são compartilhados. Jenny começa a perceber que, enquanto ela sonhava, as coisas acontecem bem depressa. Será que é muito tarde para que ela volte a assumir o controle da sua própria e verdadeira vida?


Jenny não é a pessoa mais satisfeita do mundo com a sua vida. Não gosta do trabalho, não consegue encontrar o homem dos seus sonhos e faz de tudo para ver a mãe o mínimo possível. Como escape da sua trágica vida real, ela usa o Twitter. Na rede social, ela acredita ter mais liberdade não só para ser ela mesma como também para deixar sua vida mais emocionante com algumas mentirinhas que não farão mal a ninguém.

Na rede social, ela passa a maior parte do tempo conversando com Zahra, Fiona e Kerry. As quatro acabaram se tornando grandes amigas através do Twitter e agora planejam um encontro na vida real. Próximo ao Natal, as três irão visitar Jenny em Dublin e ficarão na casa dela durante quatro dias nos quais elas pretendem se divertir muito e tornar a amizade virtual ainda mais forte.

O que elas não esperavam eram dar de cara com imprevistos que trariam à tona verdades ocultas pelas palavras não ditas ou pelas mentiras contadas virtualmente.

Fiquei um pouco decepcionada com o livro, porque quando o peguei para ler, às vésperas das festas de fim de ano, esperava encontrar uma história romântica, fofinha, contada em dias de festas, repleta de amor e neve e que faria eu me emocionar. Acho que fui enganada pela capa, que não traduz muito bem o que encontramos nas páginas do livro. Mas por fim, me despindo de toda e qualquer expectativa, eu achei a história engraçadinha e até me identifiquei em alguns pontos.

No começo o livro é um pouco parado, demora muito até chegar ao que importa, que é o encontro das quatro amigas em Dublin. Mas depois disso, a história deslancha e a leitura fica um pouco mais interessante, rápida e engraçada.

Gostei bastante do mote, quando pessoas que só se conhecem virtualmente resolvem se encontrar na vida real, e achei o desenvolvimento das situações que envolvem toda a expectativa quanto a esse encontro bastante reais. Só quem já conheceu um amigo virtual sabe o frio na barriga que dá e o medo de ele ser um serial killer disfarçado (rsrs).

O fato de a história se passar em uma das minhas redes sociais favoritas também me deixou mais interessada pela leitura (embora eu não conheça alguém que faça do Twitter quase uma sala de chat, mas vamos relevar).  


E por fim, a história acaba ensinando à Jenny e aos leitores, que nem sempre as coisas são como parecem ser, tanto para o bem quanto para o mal. Ou seja, nem tudo que parecia maravilhoso no Twitter era tão bom assim quando visto de perto, nem sua vida que ela achava ser tão ruim, era de fato tão ruim quanto parecia ser. 

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Resultado do Sorteio de fim de ano da Sociedade

Oi, gente!

Coisa boa começar o ano ganhando livros, né?!

Nós também adoramos não só ganhar como também presentear. Então, aproveitem e confiram o resultado do sorteio de final de ano da SL.

Confira aqui o post original do sorteio.

Quem vai receber um exemplar de "Outlander - A viajante do tempo", da Diana Gabaldon, é a Andressa Bernardes.



Parabéns, Andressa! Você tem três dias corridos, a partir do momento que receber nosso e-mail, para nos enviar seus dados. Caso contrário, o sorteio será refeito.

E em breve, teremos mais sorteios e novidades aqui na Sociedade do Livro. Acompanhem!

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

RESENHA: "Invisível", David Levithan e Andrea Cremer

Por Francine Estevão

Título: Invisível
Título original: Invisibility
Autores: David Levithan e Andrea Cremer
Editora: Galera Record
Lançamento: 2014

Sinopse: Stephen passou a vida do lado de fora, olhando para dentro. Amaldiçoado desde o nascimento, ele é invisível. Não apenas para si mesmo, mas para todos. Não sabe como é seu próprio rosto. Ele vaga por Nova York, em um esforço contínuo para não desaparecer completamente. Mas um milagre acontece, e ele se chama Elizabeth. Recém-chegada à cidade, a garota procura exatamente o que Stephen mais odeia. A possibilidade de passar despercebida, depois de sofrer com a rejeição dos amigos à opção sexual do irmão. Perdida em pensamentos, Elizabeth não entende por que seu vizinho de apartamento não mexe um dedo quando ela derruba uma sacola de compras no chão. E Stephen não acredita no que está acontecendo... Ela o vê! Stephen tem sido invisível por praticamente toda sua vida - por causa de uma maldição que seu avô, um poderoso conjurador de maldições, lançou sobre a mãe de Stephen antes de ele nascer. Então, quando Elizabeth se muda para o prédio de Stephen em Nova York vinda do Minnesota, ninguém está mais surpreso do que ele próprio com o fato de que ela pode vê-lo. Um amor começa a surgir e quando Stephen confia em Elizebth o seu segredo, os dois decidem mergulhar de cabeça do mundo secreto dos conjuradores de maldições e dos caçadores de feitiços para descobrir uma maneira de quebrar a maldição. Mas as coisas não saem como planejado, especialmente quando o avô de Stephen chega à cidade, descontando sua raiva em todo mundo que cruza seu caminho. No final, Elizabeth e Stephen devem decidir o quão grande é o sacríficio que estão dispostos a fazer para que Stephen se torne visível - porque a resposta pode significar a diferença entre a vida e a morte. Pelo menos para Elizabeth...


Stephen está acostumado a ser invisível desde que nasceu. Nem mesmo seus pais jamais o viram, apenas o ouviram. Seu pai foi embora, pois nunca conseguiu aceitar bem a invisibilidade do filho, mas sempre deu todo o suporte financeiro necessário para que ele continuasse tendo onde morar e como viver, mesmo depois da morte de sua mãe.

Conformado com a única forma de ser que conhece, Stephen é um observador da vida comum e já deixou de questionar o motivo pelo qual é assim. Até que um dia, ao chegar em casa, sua nova vizinha, Elizabeth, começa a falar com ele enquanto tem problemas com as comprar e com a porta de casa.

A princípio, Stephen não conta para ela sobre sua invisibilidade, mas ambos terão que enfrentar essa verdade e os motivos que o tornaram invisível ao acabarem se apaixonando e principalmente quando Elizabeth fizer questão de que seu irmão e melhor amigo, Laurie, conheça Stephen.

A partir disso, os três personagens acabarão descobrindo que nem tudo no mundo em que conhecem é como parece ser e que há um submundo de magia que os cerca e que ninguém parece notar, a não ser pessoas especiais como Elizabeth. A partir daí, eles embarcarão numa aventura repleta de magia pelas ruas de Nova York.  

Sou apaixonada por histórias com personagens invisíveis. Aparentemente, David Levithan também e tomando como exemplo “Todo Dia”, eu esperava que “Invisível” fosse algo mais próximo do primeiro livro do autor que li. Eu não contava com a parte “mágica” da história, que me pegou de surpresa, mas acabou sendo uma surpresa boa, mesmo eu não sendo uma das maiores fãs de literatura fantástica. Mas eu gostei porque, apesar de falar sobre magias, superpoderes, etc, o livro não descamba para um mundo alternativo, ele mantém tudo num plano mais próximo possível do real. Além disso, o cenário é todo ambientado em Nova York, o que mantém um pé na realidade. E os personagens que dividem a história com Stephen, Elizabeth e Laurie, também têm uma vida normal, como qualquer outro ser humano que enfrenta problemas e que tem que encarar uma rotina diária como qualquer outro ser humano visível.

Confesso que também achei que, bem no comecinho, a história tem uma certa lição de moral. Os autores mostram que às vezes, não é necessário ser de fato invisível para ser invisível, há diferentes formas de invisibilidade, principalmente nos dias de hoje em que passamos mais tempo olhando para telas do que para pessoas.


“Acho que ele invejaria minha invisibilidade se soubesse que era possível. Mas como não sabe, fica com outras opções, invisibilidades mais voluntárias. Ele se esconde nos livros. Nunca olha nos olhos, por isso o mundo se torna indireto. Resmunga enquanto passa pela vida.” (pág. 9)

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Leituras para 2015

Por Francine Estevão

Todo ano é a mesma coisa, prometo para mim mesma que vou colocar um fim na lista de livros não lidos da minha estante. Mas como eles só aumentam, isso nunca acontece. Por isso, dessa vez, decidi reduzir um pouco minha perspectiva de liquidar todos da estante e optei por fazer uma lista com aqueles que estão esperando a sua vez e que não posso deixar de ler esse ano, ou seja, uma lista de prioridades. Tem alguns que nem estão esperando há tanto tempo, afinal os ganhei em dezembro, e claro que alguns dos novos livros que chegarão passarão à frente de alguns que já estão na lista há mais tempo. No entanto, pelo menos até dezembro de 2015 eu terei que lê-los. E quem são eles?


1- As esganadas, Jô Soares (eternamente na lista, coitado!)
2- Apenas um dia, Gayle Forman
3- Twittando o amor, Teresa Medeiros
4- As palavras, Clarice Lispector
5- Viva para contar, Lisa Gardner


6- Sangue na neve, Lisa Gardner 
7- O diabo veste Prada, Lauren Weisberg
8- A vingança veste Prada, Lauren Weisberg
9- O pacto de infidelidade, Carrie Karasyoo 
10- A dama da ilha, Patricia Cabot


11- O começo de tudo, Robyn Schneider
12- Quando tudo volta, John Corey Whaley
13- Deslembrança, Cat Patrick
14- Colin Fisher, Ashley Edward Miller e Zack Stentz
15- Desde o primeiro instante, Mhairi McFarlane 


16- O lado mais sombrio, A.G. Howard
17- Atrás do espelho, A.G. Howard
18- Casório, Marian Keyes
19- Férias, Marian Keyes
20- Sushi, Marian Keyes


21- Na escuridão da noite, Kathryn Smith 
22- A vez da minha vida, Cecelia Ahern 
23- Eleanor e Park, Rainbow Rowell
24- Anexos, Rainbow Rowell
25- A hora da estrela, Clarice Lispector