segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

100 cordéis serão publicados em comemoração ao centenário de Juazeiro do Norte - CE

Por Colaboradora Paula Alessandra (Via TriBooks)

Em comemoração ao centenário de Juazeiro do Norte, município do estado do Ceará serão publicados 100 cordéis, com uma tiragem de 1000 exemplares cada um. A literatura de cordel teve sua origem em Portugal e configura-se como poesia impressa, marcada por uma linguagem popular, informal e popular muito difundida no Nordeste do Brasil. As informações são do site Diário do Nordeste, e os livretos terão o conteúdo relacionado ao Padre Cícero, a religiosidade popular e as romarias. Espera-se que os lançamentos ocorram no mês de março durante a Semana Padre Cícero, que comemora o aniversário do "pai de Juazeiro". A cidade tem papel importante na história dos cordéis no Nordeste, pois foi ali que por muitos anos atuou o tipógrafo José Bernardo da Silva que fundou a tipografia São Francisco no ano de 1926. A gráfica foi fechada em 1982 e restou a Lira Nordestina que preserva os equipamentos históricos da gráfica e é administrada pela Universidade Regional do Cariri (Urca). As publicações abrangerão cordéis clássicos e contemporâneos, que resgatarão a História da terra do Padre Cícero e trarão autores como Antônio Gonçalves da Silva, o Patativa do Assaré com o cordel "Saudação a Juazeiro do Norte", Pedro Bandeira, Expedito Sebastião da Silva entre outros. As comemorações do centenário de Juazeiro do Norte seguem até o dia 22 de julho.

Para maiores informações, acesse: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário