domingo, 24 de fevereiro de 2013

EVENTO: Segundo encontro Clube do Livro

Por Maju Raz


Depois de falar sobre distopias em janeiro, ontem (23 de fevereiro) aconteceu o segundo encontro do Clube do Livro na livraria ParaLer de Ribeirão Preto. O encontro proporcionou um duelo distópico entre os livros “Divergente” de Verônica Roth e “Destino” de Ally Condie.

A coordenadora do Clube Francine Estevão deu início ao embate e logo de cara já foi “divergente” do escritor/coordenador Danilo Barbosa. Francine amou “Divergente” e não gostou de “Destino”. Achou o livro de Ally Condie muito parado e extremamente focado em um relacionamento amoroso.

“Os personagens são excelentes e fazem a história ainda melhor do que ela é por si só. Toda essa coisa de tomar decisões que não só podem, como vão mudar a sua vida e o quanto é preciso ser forte para tomar certas decisões, fazem do livro ótimo. Além disso, não tem toda aquela frescura em torno de um romance meloso e adolescente, apesar de ter um pouquinho de romance também. No entanto, a história é mais sobre pessoas, sobre descobrir quem você é, quem são – realmente – as pessoas em torno de você, sobre família e amizade. Sem contar as várias disputas, lutas, armas e sangue que só deixam a história ainda mais emocionante.” 

Confiram a resenha que a Fran fez pra “Divergente” aqui.

Já Danilo se encantou com “Destino”:

“Ler Destino me possibilitou buscar respostas para as minhas perguntas mais básicas. Até que ponto temos de nos submeter pela vontade alheia? Será que a felicidade alheia está sempre ligada a nossa? Melhor ainda, será que para sermos nós mesmos estamos dispostos a arcar com todas as consequências?
Acho que a capa do livro define exatamente cada um de nós. Presos em bolhas de vidro, achando-nos seguros, mas alheios do que acontece no mundo. E sem perceber que nossos falsos casulos no transportar pelo ar e que apenas um roçar de dedos ou um vento mais forte pode nos destruir. Resta a cada um romper suas bolhas e encarar a realidade.”

Confiram a resenha que o Danilo fez para Destino em seu blog Literatura de Cabeça.

As opiniões foram variadas. Muitos gostaram do livro de Verônica pela abordagem distópica diferente da do livro de Ally. A atmosfera de “Destino” é cheia de agitação e desafios diferente da leve monotonia de “Destino”. Rosane do blog TriBooks quase que soltou altos spoilers. Ela estava doida pra contar o que acontecia em “Insurgente” (sequência de “Divergente”) e deixou a escritora Vanessa Bosso se coçando de curiosidade.  No fim quem acabou vencendo foi “Divergente” tudo por culpa da Francine que tem síndrome de Mônica do Friends e estava ameaçando as pessoas (risos)  e o debate rendeu muitos questionamentos, altas risadas e dois sorteios de livros: “DezesseisLuas” de Kami Garcia, Margaret Stohl e “O amor dá uma segunda chance” de Juliana Ferreira.

Álefe Cintra levou pra casa "O amor dá uma segunda chance"

E você qual livro prefere?

Não deixem de vir no próximo encontro! Fiquem ligados no Facebook do Clube do Livro.

Um comentário:

  1. estou muito afim de ler Divergentes, nossa, todo mundo fala bem, esperando a grana para comprar o/
    acervo-de-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir