sábado, 5 de outubro de 2013

RESENHA "Os adoráveis" de Sarra Manning

Por Maria Julia

Título: OsAdoráveis
Título Original: The Adorkables
Autora: Sarra Manning
Lançamento: 2013

Páginas: 384

Sinopse: Jeane é blogueira. Seu blog, o Adorkable, é um blog de estilo de vida — na verdade, o estilo de vida dela — e já ganhou até prêmios na categoria “;Melhor Blog sobre Estilo de Vida”; pelo ¬ e Guardian e um Bloggie Award. Adora balas Haribo, moda (a que ela cria, comprando em brechós) e colorir (ou descolorir totalmente) os cabelos...


Cheia de personalidade e meio volúvel, ainda assim Jeane é bacana — mesmo nos momentos em que se transforma numa insuportável...


Mas, certamente, ela não olharia duas vezes para Michael. Porque Michael é o oposto de Jeane.
Ele é o tipo de cara que namoraria a garota mais bonita da escola. E compra suas roupas na Hollister, na Jack Wills e na Abercrombie. Além disso, diferente de Jeane, que é autossu¬ ciente, Michael é completamente dependente do pai, o Clínico Geral que condena açúcar, e ainda permite que sua mãe compre suas roupas! (Embora, para Jeane, o pior mesmo sobre Michael é que ele baixa música da internet e nunca paga por isso.) 



Jeane e Michael têm pouco em comum, além de algumas aulas e uma maçante dupla de “;ex”; — Scarlett e Barney. Mas, apesar disso, eles não conseguem se desgrudar desde que ¬ ficaram pela primeira vez.



Quando comecei a leitura, a palavra “dork” pra mim era nova. Eu já tinha ouvido dizer em nerds, geeks, dweebs, mas dorks não. O termo dork deriva da palavra “jerk” (bobo) e “dork” (idiota) e tem na definição os núcleos originais de nerd e geek. Muitas vezes é um termo que expõe, de forma estereotipada, uma conotação depreciativa, uma pessoa que exerce atividades intelectuais em excesso e que são consideradas, às vezes, impróprias para a sua idade, em razão de outras atividades mais populares.

Essa geração compreende os nascidos nos anos 90 e é chamada de Geração Millenium. Esse nome nasceu de uma pesquisa americana em que os jovens escolheram como gostariam de ser conhecidos e se nomearam assim já que gostariam de dar a impressão de grandiosidade como tudo na sua geração.

É uma geração que nasceu e cresceu com o computador e com os desenvolvimentos tecnológicos. São fascinados e dominam as novas tecnologias assim como também acompanham rapidamente tudo facilmente. São otimistas e animados em relação ao mundo em que estão vivendo.

São um conjunto de pessoas que não tendem a criar novas relações sociais e que não se importam com o que alguém pensa sobre ela, e, assim sendo,  faz o que quer como, quando e onde quiser e se veste de um jeito diferente do convencional. São pessoas peculiares, intelectuais e fofas.

O livro “Os adoráveis” de Sarra Manning é um YA contemporâneo que nos apresenta Jeane Smith, uma adolescente dork, cheia de personalidade. A garota adora personalizar suas roupas que compra em brechó e criar seu próprio estilo costurando. A jovem tem um blog chamado “Adorkable” que  é um blog de estilo de vida o qual já ganhou várias premiações, dentre elas  “Melhor Blog sobre Estilo de Vida” e “Bloggie Award”.

Jeane Smith é o oposto de Michael Lee, o rei pop da normalidade, os dois não tem nada em comum a não serem os ex-namorados:  Scarlett  (ex de Michal) e Barney (ex de Jeane). Mas eis que de repente, por qualquer motivo, os opostos se atraem...

Um livro gostoso e divertido de ler. Uma história doce entre dois opostos sociais e psicológicos totais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário