quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

RESENHA: "Proposta Inconveniente", Patricia Cabot

Por Francine Estevão

Título: Proposta Inconveniente
Título Original: An Improper Proposal
Autora: Patricia Cabot
Editora: Record
Páginas: 350
Lançamento: 2014

Sinopse: Apaixonada pelo capitão Connor Drake, Payton sonha em ser capitã de seu próprio navio. Ela cresceu desejando essa profissão exclusivamente masculina, mas agora deve abdicar disso tudon para conseguir um bom marido. O problema é que Connor só percebe seus sentimentos por Payton na véspera de seu casamento com outra. Quando o barco dos noivos parte rumo às Bahamas, ele é atacado e resta a Payton se infiltrar num navio pirata para salvar a vida do seu amado. A coragem une os dois, e o resgate pode gerar mais frutos do que ela imaginou.


“Proposta Inconveniente” é mais um romance histórico da nossa querida Meg Cabot sob o pseudônimo de Patricia Cabot. Com personagens únicos e apaixonantes, ela cria um enredo bastante diferente de todos os outros livros dela que já li, seja como Meg ou como Patricia.

Dessa vez, somos convidados a embarcar num romance à lá Jack Sparrow, com direito a piratas, tiros de canhões, navios afundando, prisão e ilha deserta.

Prestes a completar 19 anos, Payton – a única mulher da família composta por 3 irmãos e pelo pai, donos de uma empresa de navegação – é uma mulher atípica para a sociedade da época. Afinal, no início do século XIX não era típico de uma dama usar calça e camisa, ter cabelo curto e navegar pelo mundo ao lado de homens, sem a companhia de nenhuma mulher, muito menos falar palavrões, que dirá se manifestar publicamente contra o casamento do homem que ama secretamente.

Na véspera do casamento do melhor amigo de seus irmãos, seu amor secreto, o perfeito Capitão Connor Drake, Payton, influenciada pela cunhada, surge com um vestido decotado e acaba chamando atenção de todos os homens ao redor, inclusive do noivo que não se conforma por ter passado tanto tempo ao lado de Payton no mar e nunca ter reparado no quão feminina ela era – e no quanto ela mexe com a cabeça dele.

Após a manifestação da moça contra a união, Drake embarca no Constant, o navio que irá comandar a partir de agora, a fim de se casar longe de Londres. No entanto, seus inimigos no mar não permitirão que as coisas aconteçam como o planejado e armam uma cilada para Drake que acaba sendo aprisionado no navio inimigo, correndo risco de morrer.


O que ele não espera é que Payton, contra todas as probabilidades, será sua única e improvável chance de sair vivo dessa emboscada, garantindo aos leitores uma aventura engraçada e cheia de momentos românticos típicos de Patricia Cabot.


3 comentários:

  1. ahhh que capa linda?! sou apaixonada por capas bonitas! bem a história parece ser bem bonita, meu tipo de leitura! *-------*

    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  2. Achei bem interessante! Não gosto tanto de romances, mas adoro histórias que envolvem navios e este me interessou por tocar neste ponto!

    ResponderExcluir
  3. Eu li esse livro e adorei. Engraçado e leve como um filme de sessão da tarde!

    Bjs!
    Viviane Gonçalves
    vsg_caue@hotmail.com

    ResponderExcluir