segunda-feira, 9 de novembro de 2015

RESENHA Como se Apaixonar de Cecelia Ahern

Título: Como se apaixonar
Título Original: How to fall In Love
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito

Sinopse: Depois de não conseguir evitar que um homem acabasse com a própria vida, Christine passa a refletir sobre o quanto é importante ser feliz. Por isso, ela desiste de seu casamento sem amor e aplica as técnicas aprendidas em livros de autoajuda para viver melhor. Adam não está em um momento muito bom, e a única saída que ele encontra para a solução de seus problemas é acabar com sua vida. Mas, para a sorte de Adam, Christine aparece para transformar sua existência, ou pelo menos tentar ajudá-lo.  Ela tem duas semanas para fazer com que Adam reveja seus conceitos de felicidade. Será que ele vai voltar a se apaixonar pela própria vida?







“Eu testemunhara uma das coisas mais reais da minha vida, e isso me fez querer parar de fingir, isso me fez querer ser verdadeira e que tudo na minha história fosse real e honesto.”

Cecelia Ahern tem um jeito com as palavra e temas difíceis...ela consegue transformar histórias e tirar coisas boas de tudo. Por isso ela é uma autora especial para mim.

Como se Apaixonar é centrada em Christine Rose, que trabalha com contratações e tem que entender um bocado da vida de seus contratados para que possam ter o melhor emprego possível. Para isso ela conta com a ajuda de seus milhares de livros de autoajuda com que tem obsessão. Uma noite ela testemunha um terrível incidente com Simon e um resultado horrível e isso leva-a a tomar uma decisão de mudança de vida.

“Eu havia lido uma boa quantidade de livros de autoajuda: frases para animar uma pessoa vinham aos montes.”

Apenas algumas semanas depois, ela testemunha um terrível incidente semelhante, mas desta vez o resultado é diferente: Ela convence Adam a não se matar e faz amizade com ele as Christine começa a chorar e dizer que as coisas vão mudar. Então ela acaba fazendo um acordo com ele, ela tem duas semanas, até o aniversário dele de 35 anos para mostrar para mostrar a um homem como amar a vida novamente.

“Não tinha havido nenhum homem secreto esperando por mim, isso era óbvio,mas eu tinha abandonado Barry, terminando nosso relacionamento por nenhum motivo real… Bem, nenhum motivo que as outras pessoas pudessem ver. Era quase como se a minha infelicidade não fosse o suficiente. Se ele não me traiu, não me bateu e não foi cruel comigo, ninguém parecia conseguir entender que eu não amá-lo e estar infeliz eram motivos suficientes.”

Esta é mais uma história de amor viciante e emocionante de Cecelia Ahern que tem me surpreendido cada vez mais. Há algo de mágico nos romances de Cecelia onde ela traz um pouco de feitiçaria para eles e os romances acabam se tornando um conto de fadas moderno. Com este livro não é diferente. Amei cada segundo que passei lendo este romance. É fantástico! O estilo de escrita de Cecelia é fenomenal. Um livro que tem um significado tão fantástico que vai fazer você ficar com vontade de reler todos os outros livros da autora de tão boa que ela é.

“Às vezes, você pode saber algo e não saber ao mesmo tempo. ”

A história de amor não é o aspecto mais importante do livro. Aqui o mais importante está te mostrando que a vida é difícil e apesar de existirem muitos momentos em que nos sentimos péssimos ainda temos que ir em frente. A vida é linda não importa o quão difícil ela é.

Um lindo romance com uma mensagem tão edificante que quando você terminar de lê-lo você estará sentindo que pode enfrentar tudo na vida!


“Momentos são preciosos; às vezes eles se demoram e, em outras ocasiões, são passageiros, mas, ainda assim, muito pode ser feito durante eles; você pode mudar de ideia, pode salvar uma vida e pode até se apaixonar. ”

Nenhum comentário:

Postar um comentário