terça-feira, 15 de dezembro de 2015

RESENHA O Bangalô de Sarah Jio

Título: O Bangalô
Título Original: The Bungalow
Autora: Sarah Jio
Editora: Novo Conceito
Páginas: 320

Sinopse: Verão de 1942. Anne tem tudo o que uma garota de sua idade almeja: família e noivo bem-sucedidos. No entanto, ela não se sente feliz com o rumo que sua vida está tomando. Recém-formada em enfermagem e vivendo em um mundo devastado pelos horrores da Segunda Guerra Mundial, Anne, juntamente com sua melhor amiga, decide se alistar para servir seu país como enfermeira em Bora Bora. Lá ela se depara com outra realidade, uma vida simples e responsabilidades que não estava acostumada. Mas, também, conhece o verdadeiro amor nos braços de Westry, um soldado sensível e carinhoso.O esconderijo de amor de Anne e Westry é um bangalô abandonado, e eles vivem os melhores momentos de suas vidas… Até testemunharem um assassinato brutal nos arredores do bangalô que mudará o rumo desta história.
A ilha, de alguma forma, transforma a vida das pessoas, e este livro certamente transformará você.

“E eu nunca poderia voltar a ser do jeito que fora antes.”

Quando a NC divulgou que ia lançar mais um livro de Sarah Jio eu abri um baita sorrisão. Eu adoro os outros romances da autora e com esse não foi diferente. Eu esperava mais da capa, mas ela foi baseada na original então...

Capa Original e a linda da Sarah Jio


"Vinte e sete de novembro. Era uma data sem importância, apenas um pontinho no calendário. Mas foi também o dia que mudou minha vida, o dia em que comecei a amar Westry".

Essa é uma história sobre descobertas. Você vai sentir um cenário sonhador e exótico e vai ver que muitas vezes você vai descobrir sobre seu próprio coração e ver que a vida sempre nos dá uma segunda chance mesmo depois de não ter mais nenhum pingo de fé esperança. Tudo gira em torno de mistérios, guerras e muito romance.

“- Essa guerra – continuei chorando – mudou tudo, todos nós.”

A jovem Anne Galloway está noiva do rico Gerard e sua melhor amiga, Kitty, está decidido a servir no exército como enfermeira durante a Primeira Guerra Mundial. Então Anne decide deixar tudo para trás e se junta a sua amiga.
" - Anne. - A voz dele fraquejou um pouco, e ele parou para recuperar sua força. - Se é disso que precisa. Se há uma chance de ter seu coração por inteiro novamente, então eu esperarei."

A garota Anne acaba conhecendo um lindo soldado (que inveja) de nome Westry e eles começam uma amizade colorida que vira um grande romance. Eles gastam muito do seu tempo juntos em um bangalô sinistro abandonado na floresta.

“- É um mundo louco lá fora, Anne. Guerra. Mentiras. Traição. Tristeza. Tudo ao nosso redor. – Ele pegou meu rosto entre as mãos. – Da próxima vez que se preocupar que eu esteja me distanciando, venha aqui. Venha ao bangalô e sentirá o meu amor.”

Após isso você vai querer se manter na história e devorá-la para saber mais sobre um assassinato...um baita de um trabalho de arte o que essa escritora fez aqui! A partir de um ponto do livro você se sente como se fosse parte da história e sente mais ainda tudo se desenrolar dentro de você. Um livro cheio de surpresas e segredos que é fantástico e que recomendo para todos que curtem fortes emoções. Parabéns, Sarah!


"A cada momento que passava, sentia minha decisão se fortalecer. Eu precisava ira para o Pacífico Sul com Kitty. Por quê, exatamente? A resposta ainda era um mistério. Mas mesmo assim, uma coisa era certa: nessa nova aventura eu não estaria simplesmente desempenhando um papel."

Nenhum comentário:

Postar um comentário